Notícias

15/12/2018 00:00

PEDIDO INUSITADO CHEGA AS MÃOS DE PAPAI NOEL NA CAPITAL DO ESTADO DO PARANÁ!

PEDIDO INUSITADO CHEGA AS MÃOS DE PAPAI NOEL NA CAPITAL DO ESTADO DO PARANÁ!

Não basta receber e selecionar as cartinhas de crianças das mais variadas idades, ainda deve ter jogo de cintura para lidar com algumas que dentre as milhares de cartas enviadas ao Papai Noel, uma ou outra sempre chama a atenção por conta de sua história ou pedido, uma vez que o Papai Noel que atua levando alegria para as crianças de um evento planejado pelo Estado, recebeu uma carta de um "Policial Anônimo", como se identificou na carta o possível funcionário público, o qual citou como foi seu ano de serviço, para ao fim fazer o seu pedido.

Veja.....

Carta anônima de um policial da ROTAM ao Papai Noel.

Querido papai Noel, meu nome é Soldado Anônimo da ROTAM da Polícia Militar do estado do Paraná, como está o senhor, espero que bem.
Gostaria nesse momento de falar sobre algumas coisas boas que eu fiz durante esse ano, tenho certeza que o senhor ficará muito contente comigo, esse ano nos polícias da ROTAM trabalhamos duro combatendo o crime, prendemos muitos bandidos entre eles traficantes, assaltantes, estupradores, estelionatário, usuários de drogas, receptadores de produtos roubados ou furtados e etc... combatemos a desordem e o caos, passamos pelo extremo da profissão tendo que trocar tiros com marginais que algumas vezes estão bem melhores armados que nos, muitas vezes também inibimos o crime apenas pelo patrulhamento espectante onde o marginal ver a polícia e desiste de cometer o delito. Muitas vezes extrapolamos o horário do turno de serviço, perdemos algumas festas de família, deixamos os nossos filhos nos esperando para receber um beijo de boa noite e eles acabaram dormindo sem receber esse beijo pois o papai estava na delegacia entregando um flagrante de algum marginal que oprime a sociedade. Ficamos muito felizes quando temos êxito em nosso serviço, comemoramos cada prisão, cada apreensão cada vitória que conquistamos contra o crime.
Também perdemos alguns companheiros de trabalho em confronto com marginais, alguns outros por não aguentar a pressão do dia a dia do militarismo da família e da sociedade no modo geral, e por isso acabaram cometendo suicídio.
Enfim, acredito ter sido um bom moço durante esse ano.

PEDIDO
Gostaria de pedir ao senhor um jogo de farda nova pois a última que eu ganhei da polícia foi a cinco anos e de lá pra cá tenho gastado em torno de R$190,00 reais em cada conjunto de farda tipo safari que é o modelo de farda que a ROTAM utiliza para trabalhar, até mesmo porque os meus irmãos da Rádio Patrulha ganham as fardas deles, (nada mais do que o justo). A lanterna boa e um coturno bom eu já comprei com o dinheiro do meu salário que por sinal já faz 4 anos que não recebe o aumento de reposição de inflação garantido por lei, mas tudo bem por enquanto se o senhor me conceder uma farda já fico muito agradecido.

Assinado: Soldado Anônimo da ROTAM da Polícia Militar do estado do Paraná.

A identificação do local aonde a carta foi entregue não será divulgada a pedido do Papai Noel, que sem saber o que fazer frente a tal demanda, resolveu procurar ajuda enviando a foto da cartinha com o único e exclusivo interesse de ajudar não só o Policial Anônimo, mas todos os Policiais que sentem a necessidade de receber o seu "uniforme" de serviço, sem ter que prejudicar o seu próprio orçamento para realizar a sua função.

Encontre no site da AMAI

BENEFÍCIOS

Assine nossa newsletter