Notícias

26/04/2018 14:00

Assembleia Geral Ordinária discute ações judiciais e processo eleitoral

Assembleia Geral Ordinária discute ações judiciais e processo eleitoral

Integrantes das câmaras de representação, diretores e demais associados da AMAI, participaram da Assembleia Geral Ordinária realizada na quarta-feira (25), para tratar de importantes assuntos relacionados ao trabalho da entidade, na luta pelos direitos dos policiais e bombeiros militares.

A Assembleia foi presidida pelo Coronel Goro Yassumuto e secretariada pela assistente jurídico Evelyn Williams, tendo como integrantes da mesa o presidente do Conselho Fiscal, coronel Neuri Pires de Oliveira, e o presidente da AMAI, coronel Elizeu Ferraz Furquim.

Entre os itens da pauta estavam importantes questões judiciais, como a autorização para impetrar Mandado de Segurança para garantir o pagamento dos valores atrasados do Auxílio Invalidez, referente aos meses de janeiro e fevereiro, com juros e correções. E também o ingresso de uma Ação de Obrigação de Fazer com antecipação de tutela, para a abertura de novos cursos de cabos, sargentos e oficiais administrativos. Ambas foram aprovadas por unanimidade.

Na sequência, foram apresentadas para homologação, dois itens: a alteração dos honorários advocatícios para prestação de serviços em ações do âmbito do Juizado Especial da Fazenda Pública, em 1ª instância com valor até 20 SM; e a ação coletiva e Habeas Corpus para obrigar o Estado a garantir coletes balísticos dentro do prazo de validade e em quantidade correspondente ao efetivo total.

O contador da AMAI, William Bayer, participou da reunião e apresentou a prestação de contas referente ao ano fiscal de 2017. Posteriormente, foi informado aos presentes sobre as ações da data-base e a situação do HPM com o atendimento impossibilitado via internet e 0800, o que motivou a AMAI a solicitar informações do comando-geral, por meio dos representantes da entidade no Conselho Diretor do FASPM, que deve se reunir na próxima semana.

Os participantes foram informados ainda sobre o processo eleitoral da AMAI, que acontece este ano na Associação, as normas e os meios de votação que serão utilizados. “A reunião foi muito positiva, pois contou com grande participação das câmaras de representação e as questões foram amplamente debatidas e esclarecidas”, afirmou o coronel Furquim.

Clique aqui e confira a prestação de contas anual da AMAI

Encontre no site da AMAI

Assine nossa newsletter